“Aproveitem as vossas competências nos estudos”


João Paulo concluiu a escolaridade obrigatória no âmbito do projeto de Educação do Sindicato.

O ex-avançado João Paulo é mais um caso de sucesso de antigos futebolistas que conseguiram concluir o 12.º ano, com o apoio do Sindicato dos Jogadores.

O ex-futebolista terminou a escolaridade obrigatória ao abrigo do programa RVCC (Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências), na Escola Secundária Fontes Pereira de Melo, no Porto.

“Quando somos jogadores, ficamos sempre na dúvida sobre o que será o nosso futuro quando terminarmos a carreira. O processo RVCC mostra-nos que temos várias competências que não estamos a aproveitar no melhor sentido e que podemos aproveitá-las para redirecionarmos a nossa vida profissional para outras áreas. Aconselho todos os jogadores a aproveitarem as suas competências nos estudos porque esta é uma excelente oportunidade para ficarmos qualificados”, afirma o ex-jogador que terminou a carreira de futebolista profissional em 2015.

Atualmente a desempenhar as funções de delegado do Sindicato dos Jogadores na zona norte do país, João Paulo quer prosseguir os estudos.

“Estou a preparar-me para dar continuidade aos meus estudos a nível universitário e se não tivesse terminado este processo não teria essa vontade e visão para o futuro”, reconhece o ex-futebolista.

Apesar da sua ligação ao desporto, João Paulo pretende ter uma formação superior noutra área: “Seria muito fácil escolher o desporto, mas não, porque temos de ter a consciência do que será importante para o futuro. A gestão de marketing é a área pela qual vou optar.”

O ex-jogador deixa uma mensagem a todos os futebolistas que conciliam a profissão com a vida académica: “Terminem o mais rápido possível porque a vontade de enfrentarem o futuro vai ser muito maior.”

Além de João Paulo, vários ex-futebolistas concluíram o 12.º ano com o apoio do Sindicato, como são os casos de Luís Loureiro, Vítor Silva e Joaquim Duarte. 

Partilhar