Estoril é o campeão da Liga Revelação


Canarinhos vencem a prova pela terceira vez em seis edições.

O Estoril sagrou-se campeão da Liga Revelação 2023/24, após vencer a fase final com mais um ponto do que o Sporting. À partida para a última jornada, apenas os canarinhos e os leões podiam erguer o troféu de campeão.

Vencedor das edições de 2021 e 2022, o Estoril foi a Vizela a depender apenas de si e de apenas um ponto para se sagrar campeão pela terceira vez. No entanto, os sportinguistas também sonhavam com o título, precisando de vencer e esperar que os estorilistas perdessem.

O empate a zero em Vizela foi suficiente para o Estoril erguer a taça de campeão da Liga Revelação pela terceira vez em seis edições da prova, de pouco valendo o golo de Francisco Canário, aos 90+3’, na vitória do Sporting por 1-0 sobre o Torreense.

Depois de o Aves ter vencido a primeira edição em 2019, de em 2020 não ter sido atribuído o título devido à Covid-19 e de o Estrela da Amadora ter ganho em 2023, o Estoril reforça o estatuto de clube mais titulado na Liga Revelação, com as conquistas de 2021, 2022 e 2024.

Através do presidente Joaquim Evangelista, o Sindicato congratula todos os jogadores que se sagraram, agora, campeões da Liga Revelação, bem como toda a equipa técnica envolvida nesta conquista:

“Capitão de equipa, demais jogadores, equipa técnica dos sub-23 e administração do Estoril Praia – Futebol, SAD,

Em meu nome pessoal e em representação da equipa do Sindicato dos Jogadores, felicito-vos pela conquista da Liga Revelação 2023/24.

Este sucesso é o reconhecimento do trabalho coletivo desenvolvido por todos: jogadores, treinadores, dirigentes e restante staff, manifestando um crescimento sustentado dos escalões de formação do Estoril.

Numa competição que foi criada para dar competitividade aos jovens e ser um espaço de afirmação de novos talentos, destaca-se a prestação do Estoril, que vence a prova pela terceira vez em seis edições.

Defender a aposta nos jovens jogadores é defender os clubes, as seleções nacionais e o futuro do futebol português.

Bem hajam e parabéns pelo sucesso alcançado!”

Partilhar